Blog

Podemos conservar um vinho depois de aberto? – Programa 06

Que fazer quando abrimos uma garrafa e sobra um pouco de vinho. Dica importante de como conservar da melhor maneira esse vinho para poder desfrutá-lo em outro momento.
Leia mais

Classificação do Champagne segundo o seu conteúdo de açúcar – Programa 05

O que significa extra brut, brut ou demi-sec, entre outros. As classificações outorgadas aos champagnes e outros vinhos espumantes, segundo o seu conteúdo de açúcar.
Leia mais

O que são os taninos do vinho? – Programa 04

Que são, de onde provem e qual é a importância na constituição e degustação de um vinho.  Qual o rol na harmonização com comidas.
Leia mais

O Malbec – Programa 03

Da França para Argentina. Como essa cepa se adaptou ao terroir desse país, transformando-se no seu vinho mais emblemático. São explicadas as características, harmonizações e outros.
Leia mais

Vinhos da AOC Chablis – Programa 02

AOC Chablis, uma das denominações de origem de maior prestígio da França na elaboração de vinhos brancos com a uva Chardonnay. Neste programa são explicadas as quatro denominações mais importantes da região.
Leia mais

Temperatura dos Vinhos Espumantes – Programa 01

Uma das coisas mais importantes na hora de degustar ou beber um vinho é a temperatura de serviço. Veja por que e qual é a temperatura ideal para os vinhos espumantes
Leia mais

O Malbec, da França para Argentina

O Malbec é sem dúvida um dos melhores vinhos da Argentina e a uva fina tinta mais cultivada nesse país. Sua história começa na França, de onde é originária, exatamente da região de Cahors no sudoeste francês. Mas é na Argentina que essa casta encontrou seu lugar no mundo, o seu “terroir”, ou seja, um conjunto de fatores geográficos, climáticos, geológicos e biológicos, indispensáveis para o cultivo da videira e a obtenção de uvas de qualidade, fator fundamental para produzir bons vinhos. Como diz uma velha frase “O vinho nasce no vinhedo”, e realmente é assim, claro que a mão…
Leia mais

Brettanomyces no vinho… Questão de gosto?

Nos últimos anos tenho focado em saber mais sobre a composição química do vinho e tudo que se refere a sua análise sensorial. O vinho por meio de sua cor, seus aromas e sabores nos conta sobre sua história, origem, terroir, uvas, métodos de elaboração, amadurecimento, envelhecimento, etc. Acho fascinante tudo isso e considero fundamental ter conhecimento de química, pelo menos o básico, para poder compreender e interpretar o que o vinho está nos comunicando. Não estou falando dos consumidores, os quais não precisam de conhecimentos técnicos para desfrutar da bebida, refiro-me de nós profissionais que atuamos na área e…
Leia mais